orientação para tirar medidas

Oriente-se pela imagem e pela tabela de tamanhos, mas atenção: não aperte a fita, deixe-a justa, mas sem apertar.
A dica para quem for se medir sozinha é ficar em frente a um espelho grande.Vamos as principais medidas:
• Busto: passe a fita métrica por debaixo das axilas, contorne todo tronco, deixe a ponta da fita para frente, tire a medida do ponto mais saliente do busto.
• Abaixo do Busto: Esta medida é a linha de baixo do sutiã.
• Cintura: Passe a fita em volta da cintura no ponto mais estreito. A cintura fica mais ou menos a dois dedos acima do umbigo.
• Quadril: Contorne a fita na parte mais larga dos quadris.
• Altura do vestido: Para saber a altura do vestido, meça da linha abaixo do busto (linha do sutiã) até as pontas dos pés.

Como tirar medidas

Como tirar medidas

Pesquise no blog KZ

9 de abr de 2010

15 dicas para sua festa de 15 anos

1. Tematize

A primeira ideia para fugir de uma festa tradicional é escolher um tema. E para isso, Tamara Barbosa, da Coordinare Eventos, aconselha: “Não queira se mostrar diferente do que você é, e fazer algo que foge ao seu estilo. A festa tem que ter a personalidade da aniversariante”. Por exemplo, se você faz o tipo garota de praia, pode fazer um luau. Cores também podem virar tema, assim como sentimentos (amor, amizade). Algumas outras ideias de temas são: pérolas e bolhas, festa indiana, rockstar. Coloque sua imaginação pra funcionar!


2. Escolha bem o espaço

A decisão do local deve estar ligada ao estilo de festa que você planejou. Se optar por um evento tradicional, procure um buffet com decoração clássica. Agora, se a ideia é inovar, quanto mais simples e clean for o espaço, melhor. Só assim você poderá decorar e tematizar a festa do seu jeitinho, sem interferência da arquitetura.

3. O seu vestido do local

Toda festa de 15 anos que se preze tem que ter troca de vestido. Certo? Errado! A troca de roupa não é obrigatória. Até porque já é difícil bancar uma festa inteira com UM vestido de arrasar... que dirá com DOIS, ou TRÊS! Se você está com a grana apertada, mas faz questão de mudar o visual durante a festa, a dica é trocar parte da roupa. Você pode mandar fazer um corpete, uma saia longa e outra curta. Ou então, uma saia com cauda removível. Fica supermoderno!


4. Indispensável

Esse item nada mais é do que um acessório obrigatório para entrar na festa (como aqueles convitinhos). Um “indispensável”, entregue ao convidado junto com o convite, já dará a ideia de que a festa será diferente. Os indispensáveis mais comuns são pulseirinhas (iguais àquelas de camarote de balada). Há empresas especializadas em personalizar esse acessório. Você também pode pensar em algo que tenha a ver com o tema da festa. E não precisa, necessariamente, ter o seu nome estampado – assim a galera vai poder usar o item mesmo depois do evento.


5. Quinze casais, quinze vestidos

Em vez de escolher um modelo de vestido para as 15 amigas, você pode comprar um tecido, da cor que preferir, e distribuir entre as meninas, para que cada uma faça o modelo que lhe agrade mais. Assim, você evita ter que lidar com a cara feia das amigas, já que o mesmo modelo nunca veste bem todas as garotas. E ainda surpreende os convidados. O mesmo tecido servirá para os meninos fazerem as gravatas.


6. Adolescentes de um lado, adultos de outro

Ninguém merece ter adultos no meio da galera, vistoriando se um está gritando demais, se o outro já beijou não sei quem... ou, pior, controlando o horário! A saída para evitar o mico é simples: criar uma área separada para os adultos. Os convidados de seus pais, tios, avós e até pais de amigos ficarão numa área planejada para eles. Essa divisão garante que nenhum dos seus amigos fique meio sem jeito de se jogar na pista...


7. Sem mesas e sem cadeiras

A última coisa que seus convidados vão querer é ficar sentados, durante a balada. Sendo assim, esqueça as mesas e cadeiras, e invista em lounges (áreas de descanso) com pufes, sofás e almofadas, e apenas algumas mesinhas de apoio. Nesse cantinho, a galera vai conseguir descansar, papear e namorar, num clima bem mais descontraído. Deixe as cadeiras e mesas para a “ala dos adultos”.


8. Fotos na festa

Pra fugir da mesmice das festas tradicionais, em que a foto da aniversariante é enquadrada, ou estampada em banners, imprima algumas imagens, menores, e coloque-as em porta- -retratos – que estarão espalhados pelo local. Legal, também, é estampar as camisetas de garçons e bartenders (que vão desfilar pelo salão todo) com a sua foto. Você continuará sendo homenageada, mas de uma maneira mais discreta.


9. Comer, comer

Pense nas coisas que você mais gosta de comer com seus amigos. O que veio na cabeça? Pizza? Hambúrguer? Batata frita? Cachorro quente? Pois é isso mesmo que vai para o seu cardápio! Nada de escolher pratos chiques franceses, que não têm nada a ver com seus convidados. Buffet é sempre um ponto que pesa bastante no orçamento. Mas, se você economizar em outras áreas, pode investir em comidinhas bem gostosas.


10. A música que agita

Se está em dúvida entre DJ e banda, escolha o primeiro. O DJ, além de tocar todos os estilos, costuma ter o preço mais acessível. Grupos de pagode, trios elétricos, baterias de escola de samba ou até mesmo o show de alguma banda de sua preferência são legais para complementar o trabalho desse profissional.


11. Pista de dança bombada

Não reserve um espaço muito grande para a pista de dança. Pista boa é pista cheia! Quanto mais juntinhas as pessoas ficam, mais elas acham que a festa está bombando. Se você delimitar um local muito grande, vai parecer que a pista está vazia e, por isso, a galera pode não se animar pra dançar.


12. Acessórios arrasam!

Não tem quem não goste de brincar, na pista de dança, com chapéus, neons e echarpes de pluma. Os acessórios que acendem e brilham são sempre os mais pedidos. Se puder investir um pouco mais, mande fazer máscaras com a sua foto. E, pra não virar bagunça, peça para alguém ficar responsável pela entrega dos acessórios no início da balada.


13. Iluminação meia-luz

Pense assim: quase ninguém vai à festa para conversar, e sim, para dançar! E pista de dança não combina com claridade... Converse com o técnico de iluminação para deixar a luz da pista e dos lounges bem baixinha. Assim, ninguém precisa se esconder pra trocar olhares, beijar na boca, ou dançar de um jeito meio esquisito.


14. Atração especial

Já ouviu falar em performances de festas? Os performistas são responsáveis por animar o evento e, muitas vezes, interagir com os convidados. Há aqueles que fingem ser paparazzi e fotografam a galera, outros fazem apresentações (ballet, acrobacia, malabarismo). “Organizamos um evento que tinha um ‘sombra’ na pista de dança. Ele ficava brincando e imitando os convidados”, conta Tamara Barbosa.


15. Lembrancinhas

“É muito fácil para cair no brega com esse item, então, se não for algo legal e útil, aconselho não entregar”, diz Marina Bedaque, da Coordinare Eventos. A dica para não errar é não inventar muito! Presentes mirabolantes e sem utilidade serão deixados de lado. Chocolate agrada a todos. Você pode preparar tubos de ensaios com confeitos coloridos dentro. Ou, até mesmo, um CD com as músicas que tocaram na festa. Se a verba for curta demais, prefira investir em outras coisas. Lembrancinhas não são essenciais.

Revista Atrevida

Um comentário:

Agradecemos o comentário!

Vestidos do KZ Atelier Noivas

KZ Atelier Noivas

KZ Atelier Noivas
kz

Vestidos 15 anos do KZ Atelier Noivas