orientação para tirar medidas

Oriente-se pela imagem e pela tabela de tamanhos, mas atenção: não aperte a fita, deixe-a justa, mas sem apertar.
A dica para quem for se medir sozinha é ficar em frente a um espelho grande.Vamos as principais medidas:
• Busto: passe a fita métrica por debaixo das axilas, contorne todo tronco, deixe a ponta da fita para frente, tire a medida do ponto mais saliente do busto.
• Abaixo do Busto: Esta medida é a linha de baixo do sutiã.
• Cintura: Passe a fita em volta da cintura no ponto mais estreito. A cintura fica mais ou menos a dois dedos acima do umbigo.
• Quadril: Contorne a fita na parte mais larga dos quadris.
• Altura do vestido: Para saber a altura do vestido, meça da linha abaixo do busto (linha do sutiã) até as pontas dos pés.

Como tirar medidas

Como tirar medidas

Pesquise no blog KZ

17 de ago de 2010

Um jantarzinho oriental

Cerâmica Oriental
Objetos de melamina com acabamento semelhante à laca são uma opção divertida para o serviço de cerâmica.

A Mesa
Seja fiel ao estilo oriental e adote uma linguagem minimalista (Sala ampla com poucos moveis e detalhes marcantes). Descarte o uso de toalha ou jogo americano. Caso sua mesa seja de vidro ou tampo claro, escolha cerâmicas de tons fechados. Sendo escura de preferência a pratos de cor clara. Castiçais com velas são fundamentais para criar a atmosfera romântica.

Drinque Gelado
Ao lado da mesa coloque um balde de gelo e dentro coloque garrafas de minichampanhe.

Arranjo Zen
Compre alguns ramos de orquídea branca. Corte as hastes e prenda as flores com arames em galhos secos previamanente pintado de branco. Em outro tipo de decoração você seleciona alguns vasos pretos de modelos diferente e enfeite com ramo de orquídea, folhagens e bambu, da um efeito bonito e elegante.

Hashi
São apenas dois pauzinhos, mas apesar de aparentemente simples, seu manuseio é composto por várias regras. Para evitar gafes, vale a pena conhecer algumas dicas de como utilizar não apenas o hashi, mas também outros utensílios que compõem a mesa de todo restaurante japonês.
No começo é difícil de manusear, mas depois de algum treino, torna-se muito mais prático que usar garfo e faca. Além de dispensar o vai-e-vem dos talheres de uma mão para a outra, o uso do hashi ajuda na digestão, por levar uma pequena quantidade de comida à boca, ao contrário das grandes garfadas e enormes colheradas.
Diz a lenda que a criação do hashi foi inspirada no movimento do bico da garça. Antes restrito à China, Coreia e Japão, recentemente seu uso foi difundido em várias partes do mundo. E no Brasil não poderia ser diferente, ainda mais com a multiplicação dos restaurantes japoneses nos últimos anos.

Espetar o hashi no arroz é uma gafe grave
Hashis devem ficar sempre juntos, paralelamente à mesaSem espetarEspetar os hashis na comida é uma das piores gafes que alguém pode cometer ao degustar a culinária japonesa. Além de ser feio, o ato tem um sentido religioso. Quando os japoneses oram e acendem incensos nos oratórios nipônicos (butsudan) eles espetam os hashis na vertical.
Hashis juntinhos
Hashis devem ficar sempre juntos, paralelamente à mesa, portanto nada de deixá-los abertos, separados um do outro de cada lado do prato ou sobre as tigelas. Existem apoios para se colocar os palitinhos. Caso não haja no restaurante, improvise dobrando a embalagem dos hashis e colocando a ponta dos mesmos sobre ele.
Pecado mortal
Por mais saborosa que a comida esteja é pecado mortal chupar ou lamber os hashis. Do mesmo modo não se usam os palitinhos para apontar pessoas ou alimentos, gesticular com eles na mão ou espetar os alimentos.
De olho na postura
Equilibrar a comida entre os hashis requer treino e habilidade. Isso porque quando estiver à mesa, nunca se deve dobrar o corpo para levar o alimento à boca e sim movimentar delicadamente o braço e as mãos que seguram os hashis.

YAKISSOBA

Ingredientes:
1 cebola grande picada em pedaços médios,
1 colher de sopa de óleo,
1 cenoura cortada em rodelas médias,
1/2 maço pequeno de brócolis,
400g espaguete do fininho,
acelga ao seu gosto,
5 colheres de sopa de molho shoyo,
250ml de água,
1/2 maço pequeno de couve-flor,
100 g de champignon,
250 ml de molho para yakissoba,
1 colher de sopa de maisena diluída em 50ml de água,
450g de tirinhas de carne ( mignon, patinho ou alcatra) ou de frango.

Como preparar: Primeiramente cozinhe o macarrão enquanto isso vá preparando o molho, pegue uma panela grande ou então um Wok, coloque um pouco de azeite e após a cebola e doure-a, em seguida acrescente a carne e refogue-a, após feito isso acrescente o molho para Yakissoba e o Shoyo. Cozinhe tudo por aproximadamente 3 min em fogo médio.
Coloque água para ferver em fogo alto, logo em seguida coloque a maisena e dissolva-a na água, mecha até engrossar, após baixe o fogo, feito isso adicione o brócolis, a couve-flor, a cenoura e o champignon, cozinhe tudo por 8 min e adicione a acelga. Deixe cozinhas até a cenoura, a couve-flor e o brócolis ficar chegar ao ponto.
Quando estiver ao ponto adicione o macarrão. Misture tudo muito bem, coloque sal a gosto e tampe a panela, deixe mais uns 2 min e está pronto.

16 de ago de 2010

O CASAMENTO E O ALCÓOL

Se o convidado que tomar um cálice de vinho já estará correndo risco de se encrencar, como fazer para livrar a cara de todos. Alguns casais de noivos estão adotando o hábito de contratar motoristas e vans para levar seus convidados para casa depois da recepção. Assim todos se divertem ao máximo e retornam para casa em segurança. A idéia parece boa pois como se pode verificar sanções ao motorista são bem pesadas.
A severa e polêmica lei 11.705, a famosa ‘lei seca’, que entrou em vigor no dia 20 de junho proíbe o consumo de qualquer quantidade de bebida alcoólica por motoristas e tem gerado mais dúvidas e críticas do que qualquer outra coisa. Antes era permitido até 6 decigramas de álcool por litro de sangue agora, mas agora a tolerância é zero. A bem intencionada lei, porém mal elaborada, vem pra tentar diminuir os 80% dos acidentes nas ruas brasileiras que são causados pelo consumo de bebida alcoólica. Segundo o Denatran, esse alto número sofreu uma leve redução já na primeira semana de vigor da nova lei, mesmo sem dados estatísticos comprovados.
Até 2 dg/l de sangue ou 0,1 mg/l de ar expelido dos pulmões a multa é de R$ 957,70 e suspensão do direito de dirigir por um ano. De 6 dg/l de sangue – ou 0,3 mg/l de ar – em diante, equivalente a duas latinhas de cerveja, ocorre a detenção de seis meses a três anos, multa e suspensão ou proibição de se obter a permissão ou habilitação para dirigir veículo.
Índices de tolerância:
Caberá ao Conselho Nacional de Trânsito a definição das margens de tolerância para casos específicos. Enquanto o Contran não definir as margens de tolerância, essa será considerada 2 decigramas por litro de sangue ou um décimo de miligrama por litro de ar expelido dos pulmões para todos os casos. Os casos específicos serão definidos pelo Ministério da Saúde.Segundo a nova redação do artigo 165 do CTB, dirigir sob a influência de álcool (qualquer índice) caracteriza infração de trânsito, no entanto, a própria lei trouxe a previsão de margens de tolerância visando garantir que condutores incluídos nos casos especiais não sejam prejudicados, além de considerar também uma possível margem de erro do equipamento.
O motorista pode se recusar a realizar qualquer um dos testes, porém caso o condutor se recuse a realizar os exames previstos na lei, ele será penalizado conforme o artigo 165, ou seja, apenas a recusa implica a infração. Nada impede o cidadão de procurar a Justiça, caso ele tenha se recusado a fazer o exame do bafômetro e depois alegar que não estava bêbado. No entanto, caso apresente sinais de embriaguez poderá ser penalizado com as sanções previstas no artigo 165 do CTB. Os policiais não podem obrigar o motorista a realizar exames de sangue, caso não exista bafômetro no posto.
Fonte: G1
Por: Fillipe Vivas

Vestidos de formatura

A formatura é um dos marcos mais importante da nossa vida, pois estamos encerrando uma fase e iniciando outra, para as mulheres, neste dia especial, é o momento de estar impecáveis, lindas com a maquiagem perfeita, os cabelos arrumados. O anel de formatura e principalmente o vestido para formatura terão que ser o mais belo.
É uma decisão importante, a escolha do vestido que irá usar na formatura. A fim de se destacar em uma noite de muita comemoração, normalmente as mulheres buscam vestidos que acompanhem a moda. Para a temporada de bailes de formatura 2010, as tendências não tiveram grandes alterações. Com uma variedade imensa os trajes de formatura devem sempre refletir a personalidade de cada formanda, evitando que modelos iguais ou muito parecidos possam ser vistos no evento. Os modelos de vestido tomara-que-caia e de um ombro só estão entre os mais indicados.
Bom na realidade o longo continua sendo o mais indicado e procurado pelas mulheres para ocasiões formais, porém os modelos mais curtos vêm ganhado mais destaque a cada estação. O importante é saber escolher o tecido, aviamentos e modelo ideal para o seu tipo de corpo.
O tomara-que-caia continua é sempre elegante e certeiro estando em evidência na Primavera Verão 2009 2010, sendo visto nas produções de celebridades. Com diferentes comprimentos, esse decote é muito feminino e é sempre uma opção para não fazer feio em um baile de formatura, porque confere elegância e realça o colo da mulher. Mas lembre-se se tiver pouco busto é melhor evitá-lo.
Uma forte tendência para a temporada seguinte em trajes femininos formais é o volume aplicado nas saias. Mantendo as formas ajustadas ao corpo para a parte superior, as saias apareceram mais elaboradas e volumosas nas passarelas dos mais recentes eventos de moda.
Já outra novidade é a transparência, que pode ser notada através da aplicação de rendas. Unindo a sensualidade, a renda pode ser misturada com outros tecidos para gerar um vestido mais clean. Com a combinação de tons certos, os vestidos com detalhes em renda dispensam bordados e se destacando entre os de cetim bordados.
Modelos inspirados nas décadas de 20, 40, 60 e 70 são de clássicos, também muito procurados, esses vestidos combinam com mulheres mais descoladas adeptas de visuais retro.
Para garantir a formalidade que a ocasião requer, a dica é buscar tecidos acetinados que dão um brilho e um ótimo caimento vindo sendo fabricados com lindas estampas.
Realmente o que se tem visto muito até o momento é vestido de um ombro só. Um decote muito sensual e feminino, ele pode ser usado por mulheres de diferentes tipos físicos.
Existe também o estilo “Deusa Grega” também promete ganha espaço nos salões de baile.São mais fluídos e muito sofisticados, pedindo por acessórios mais discretos. Os modelos longos são ainda mais elegantes quando trabalhados com drapeados ou detalhes discretos, como uso de broches, braceletes ou cordões com brilho para marcar a cintura ou compor a alça do ombro.
O vestidos com profundos decotes nas costas são sempre bastante usados para esse tipo de ocasião e nunca caem de moda. Para um visual bem poderoso e sensual, a solução é essa mas não se esqueça de estar em forma para arrasar em um modelo assim.
Já as cores existem uma opção bastante rica e variada. Os tons vivos e fortes como o vermelho, amarelo, azul, laranja, continuam no auge. As cores mais neutras também não saem de moda e são mais fáceis de combinar e para quem tem medo de arriscar nas cores mais ousadas é a opções. Cores como o rosa, o azul, o amarelo e o verde serão muito usados em tons pastéis; mais suaves. Agora lembre-se de escolher a cor de seu vestido de acordo com o tom de sua pele.
Já os tecidos preferidos temos o cetim e a seda continuam como os mais usados; o ideal é apostar em vestidos com tecidos mais leves.
O vestido mais indicado para sua festa de formatura é aquele que te faça sentir bem e bonita. Nesse dia o importante é valorizar o seu estilo fazendo com isso que você aproveite mais a sua festa.

Jogo de cama


É dormindo ou assistindo televisão passamos na cama, ou seja boa parte de nosso tempo. O fato é que a nossa cama será sempre o centro do quarto. Assim um belo jogo de cama deixa o quarto muito mais bonito e agradável, com um aspecto de bem decorado.Normalmente todo enxoval do casal tem seu jogo de cama super bonito.
Além de ser bonito e de bom gosto o jogo de cama precisa ser de um material confortável que proporcione uma bela noite de sono para o casal, pois um confortável lençol e um gostoso travesseiro ajudam a termos uma boa noite de sono.
Fica legal também quando se o seu jogo de cama venha com os lençóis, fronhas, um edredom ou uma colcha que combine entre si, pois assim sua cama vai ficar ainda mais bonita e bem arrumada.

Cama de casal

Com certeza a atração principal de um quarto é a cama de casal. Ao entrarmos em um quarto, a cama é o móvel mais visível, pois ocupa um grande espaço e tende a ficar em lugares estratégicos. É através dela que é definido o estilo dos outros móveis do quarto e, algumas vezes, até mesmo da casa inteira. Porém, antes de escolher qual cama comprar, você deve analisar o ambiente e ao espaço que possui. Nem sempre o que é bonito pode ficar bem na sua casa.
Indiferente do estilo, a decoração deverá servir à família, ser funcional e confortável. Normalmente a maioria das pessoas, quando entra em uma loja para escolher os móveis da casa, começa quase sempre pela cama. A cama seria a representação da personalidade do casal. E é através dela é que eles irão definir como será o estilo do resto dos móveis da casa.

Qual o estilo da sua cama? Oriental ou painel?
No decorrer dos tempos o estilo das camas têm mudado. Teve uma ocasião que seguiram o estilo inglês, com cabeceira; então passaram ao estilo anos 60, mais retas; e aí surgiram as camas com cabeceiras curvas.
Hoje seguimos com duas novas tendências: a oriental – onde as camas são grandes e baixas - e o estilo painel - cabeceiras retas, ligadas ao colchão por um frame (parafusadas), ou mesmo as sem cabeceiras.
Dentre os materiais e acabamentos que compõem a cama estão a madeira, o ouro, a laca, os tecidos e até o vidro colorido ou o acrílico, estes últimos mais usuais fora do país.
Para casais que desejam alternativas à cama tradicional, existe uma grande variedade de opções, como o sofá-cama, o sofá-beliche, e cama inflável e até os dormitórios reversíveis, com sistemas de embutir que possibilitam sua transformação em salas de jantar e de estar. Porém qualquer que seja o tamanho da família é sempre bom ter uma bicama no caso da visita de um parente ou amigo.

12 de ago de 2010

Pousada Ancora de Ouro

A pousada começou a ser construída em abril de 2006 e seu término e inauguração foram em dezembro do mesmo ano, com uma arquitetura moderna com um ambiente tranquilo e acolhedor, onde você é muito especial. A pousada possui 17 Suítes que possui ar-condicionado, ventilador de teto, frigobar, televisão com 30 canais, wireless, secador de cabelo, ducha higiênica, box e uma bela decoração feita com muito carinho pelos seus proprietários, afim de proporcionar a seus hóspedes um ambiente familiar onde a alegria e o lazer são constantes. A área social possui piscina, churrasqueira, área gramada, playground, sala de café, Wireless grátis, salão de jogos e som ambiente. Sua localização é bem privilegiada e encontra-se num bairro tranquilo onde após noites de agito o conforto é certo e garantido.

Lembrancinhas de casamento

Agradeça a presença ao grande dia oferecendo lindas lembrancinhas

Oferecer uma lembrança personalizada aos amigos familiares na recepção do casamento já é uma tradição no Brasil e em diversas partes do mundo. O souvenir já faz parte da decoração da festa e o toque especial está na escolha dos mimos, que vão desde os tradicionais até os mais criativos.
As idéias são as mais variadas: quebra-cabeça com a foto dos noivos, sabonetes, castiçais, porta-retratos, doces, tag para carro, mini-garrafas, almofadas, canecas, CDs, taças com amêndoas, pout-pourri, chinelos personalizados, origami dos noivos com ímã e até câmeras fotográficas.
As lembranças para a recepção do casamento devem ser escolhidas de acordo com a personalidade do casal, estilo da festa e também previsão orçamentária. Quando as noivas optam em dar apenas bem-casados, então o ideal é que escolham uma embalagem bonita. Se você é daquelas que não abrem mão das amêndoas ou das peças de porcelana ou cristal, verifique muito bem as peças, pois o custo é maior. Já para as mais ousadas existem peças que tenham utilidade, como hashis, marcadores de livro, creme hidratante e velas.

Para calcular

Normalmente é oferecido as mulheres lembrancinhas do tipo saches, velas, flores, e tudo que for decorativo. Já as comestíveis pode ser oferecida a todos inclusive as crianças. Para que não falte é bom calcular uns 10 a 15% a mais para que ninguém fique sem receber.

A distribuição

São várias as opções para a distribuição das lembrancinhas: Estar disposta em um mesa perto da saída, entregue no final da festa pelo cerimonialista, pela noiva, deixados sobre a mesa antes de iniciar a festa.
O certo é que você escolha a que melhor lhe convier.

Algumas dicas

Lembrancinhas vivas – vasos de violeta, uma única rosa, bulbos de flores, mini buquês parecidos com da noiva, sementes de flor.
Lembrancinhas tradicionais – Sachês perfumados, sabonetes, velas perfumadas, amêndoas em saquinhos de tule, porta-jóias, mini porta-retratos.
Lembrancinhas comestíveis – Bem-casados, chocolate com foto do casal, balas em lata personalizadas, caixa com trufa ou cheia da balinha de chocolate, garrafinhas de vinho com a foto dos noivos estampadas no rotulo.
Lembrancinhas diferentes – Wedding câmeras (máquina fotográfica), chinelos personalizados, um kit com minichampagne personalizada e duas taças, caleidoscópio, buquê de rosas de madeira, vaso de pimentas, canela e anis.

A vinda do primeiro filho

Mudanças na Vida do Casal

Como evitar que as dificuldades naturais desta etapa influenciem negativamente a vida da futura família que se inaugura?
Parece haver um consenso, pelo menos por parte daqueles que já passaram pela experiência, de que a chegada do primeiro filho mobiliza muito mais do que a dos outros que vêm a seguir. Trata-se de uma mudança de status radical na vida do casal. Eles dão um salto para uma nova etapa do seu desenvolvimento e avançam uma geração.
Inaugura-se um nova família: Homem e mulher têm novos papéis a desempenhar e novas responsabilidades a assumir como pai e mãe. Deixam de ser cuidados pela geração mais velha, para serem cuidadores de uma geração mais jovem.
No entanto, não é somente a vida do casal que passa por transformações. Toda a família de origem também acompanha este processo. Há uma grande movimentação no campo emocional e todos mudam de status. Cada qual tem um novo papel a exercer. Quem não era, agora passa a ser avô, avó, tio, tia, etc...
Neste meio tempo, surge a necessidade do casal se organizar para encarar as demandas da nova etapa.
Ouvimos normalmente as pessoas falarem sobre chá de bebê, quarto, berço e tantas outras providências práticas. No entanto, raramente ouvimos sobre as tarefas familiares que o casal tem a cumprir para ultrapassar esta etapa com sucesso e que são fundamentais para estruturar as bases do relacionamento da nova família, permitindo um desenvolvimento sadio aos seus membros. Vamos a elas:
1 - Para a chegada da criança o casal precisará abrir espaço tanto físico, na casa onde mora, quanto emocional, no seu relacionamento, que antes era a dois. Isto significa que homem e mulher deverão cuidar de equilibrar, dentro do possível, seus papéis como pai e mãe, marido e mulher, companheiros, amigos, parentes, etc. Mas ainda deverão cuidar muito bem das fronteiras da nova família: como são principiantes, todos se sentem no direito de invadir e dar palpites. O retorno a casa, depois do nascimento do bebê, é delicado. No período em que deveriam ter mais sossego é que recebem o maior número de visitas, com mil conselhos e opiniões de como devem fazer isto ou aquilo. Durante estas visitas, muitas vezes pais e bebê ficam estressados, mas quem acaba expressando esse incômodo é o bebê, através do seu choro desenfreado. É até surpreendente quando, depois da saída da última visita e com a volta ao clima de tranqüilidade da casa, ele milagrosamente pára de chorar.
2 - Não existe manual que ensine como ser pai e como ser mãe. Cada um dos pais viverá, ao seu tempo e ao seu modo, a oportunidade ímpar de desenvolver este aprendizado através da construção da relação com o próprio filho. Deverão aprender a colocar limites e a exercer a autoridade necessária. O casal deverá tomar cuidado para não criticar um ao outro, ou mesmo influenciar na construção da relação que, no caso de pai/filho e mãe/filho, é tão somente a dois; deverá abrir espaço e tempo para intimidade entre as díades pai/filho, mãe/filho, homem/mulher, e também para o grupo pai, mãe e filho como família. Cada um dos membros aprenderá sobre esta noção de fronteiras das relações e aprenderá a respeitar seus limites. É como se fosse uma dança que flui, individual, a dois, a três, e até em ciranda de grupo, quando estão com as famílias de origem.
3 - Tanto o homem quanto a mulher trazem de suas famílias de origem um modelo de educação que envolve hábitos, comportamentos, atitudes, cultura, etc. Podemos dizer que este modelo que cada um traz consigo forma uma bagagem de vida, que a todo e qualquer momento deve ser revista conjuntamente, pois são muito diferentes uma da outra. Quando os dois conseguem perceber e aproveitar o que há de melhor em cada uma das duas bagagens para formarem uma terceira, passam a não ter mais necessidade de disputar sobre qual é aquela que educa melhor, se a do homem ou a da mulher. E aí sim, os dois estarão construindo o modelo da sua nova família, para através da sua cumplicidade, dar o melhor e mais precioso presente para seu filho: uma referência única para que ele se sinta seguro e siga o caminho do seu desenvolvimento de maneira saudável.
Apresentamos, a seguir, as tarefas das famílias de origem. Por que não? Se elas também são influenciadas com a chegada do bebê, nada mais justo do que cumpram algumas tarefas, muito simples de se descrever, porém muito difíceis, sob o ponto de vista de cada um dos envolvidos, de se executar. Vamos a elas:
a - Cabe aos avós passarem para uma posição secundária, de maneira a permitir que seus filhos, agora pais, exercitem a principal autoridade paterna e materna, ou seja, respeitar as fronteiras do casal, na qualidade de pais, e da nova família.
b - Cabe aos avós, irmãos, tios e primos dos novos pais estabelecerem uma relação carinhosa com a criança, fazendo parte deste período de transição em que a intimidade é permitida, porém, sem a carga de responsabilidade que a paternidade/maternidade requerem.
Portanto, é fundamental que o casal se organize e se adapte às novas circunstâncias desta etapa, para atingir o equilíbrio necessário ao desenvolvimento saudável da nova família. Se surgirem dificuldades, há que se buscar a orientação e os serviços de um profissional especializado.
Ana Silvia Teixeira
Terapeuta de Família

11 de ago de 2010

Anti Vírus

Não é de hoje que quem tem um computador sabe que precisa protegê-lo de vírus e rpincipalmente de hackers. Existem no mercado hoje diversos antivírus que protegem seu computador de eventuais ameaças.
Alguns antívirus mais poderosos são pagos, porém temos várias opções gratuitas. É só ver qual o antivírus melhor para seu computador.
Um site que tem várias opções para opções de downloads gratuitos (como o Avast, AVG, Microsoft Security) e outros gratuitos somente para teste (Kaspersky, Norton) é o Baixaki.

10 de ago de 2010

Rio das Ostras realiza Campanha de Multivacinação dia 14

Rio das Ostras está se preparando para realizar no sábado, dia 14 de agosto, a 2ª Etapa da Campanha de Multivacinação. A Secretaria de Saúde disponibilizará 12 postos para imunização dos menores de cinco anos contra a paralisia infantil e para atualizar o Cartão de Vacinas das crianças. A expectativa é vacinar cerca de 7.500 menores de cinco anos em Rio das Ostras, 95% da população de crianças nessa faixa etária. Os postos de vacinação funcionarão das 8h às 17h, e é imprescindível que pais ou responsáveis levem o Cartão Vacinal da criança.

FONTE: Secretaria de Comunicação Social
Departamento de Jornalismo

Receitas

MOQUECA DE PEIXE

1h 10min
4 porções

Ingredientes:

4 postas de cação ou garoupa (700 gramas)
Suco de 1 limão
1 cebola grande cortada em rodelas
3 dentes de alho
1 pimentão vermelho cortado em rodelas
1 pimentão verde cortado em rodelas
2 tomates maduros cortados em rodelas
1 maço de coentro picado
1 maço de cebolinha verde
200 ml de leite de coco
1 colher (sopa) de azeite-de-dendê
2 tabletes de caldo de camarão
Azeite de oliva


Modo de Preparo:

Lave o peixe com bastente limão e deixe descansando em um prato com água de sal fraca.
Soque o alho, três rodelas de cebola, um maço de coentro picado, um maço de cebolinha verde e sal.
Esfregue no fundo da panela de barro um pouco de óleo de soja (duas colheres) e azeite de oliva (uma colher).
Adicione à panela a massa obtida no socador, passando-a no seu fundo.
Retire as postas de peixe do prato com água e sal.
Vire as postas de um lado para o outro nos temperos da panela.
Arrume-as de modo que não fiquem umas por cima das outras.
Corte o resto do coentro, da cebolinha verde, do tomate e da cebola e coloque nesta ordem por cima das postas de peixe que estão na panela.
Regue com um pouco de azeite e suco de limão.
Deixe tudo descansando por 20 a 60 minutos.
Acrescente o azeite-de-dende.
Acrescente o leite de coco.
Quando começar a abrir fervura, verifique o sal.
Não ponha água, não vire as postas e cozinhe com a panela aberta.
Deixe no fogo forte por 20 a 25 minutos.
Balance de vez em quando a panela com o auxílio de um pedaço de pano grosso, para que as postas de peixe não agarrem no fundo.
Sirva bem quente.
Vai bem com arroz branco e pirão.

5 de ago de 2010

Buquês Artificiais


































TRASH THE DRESS


Mas uma moda amricana que caiu nas graças dos brasileiros, significa sujar o vestido da noiva.
Ai você pensa: Sujar o vestido? Pra que?
Na realidade o propósito disso é a realização de um ensaio fotográfico diferente do normal, feito normalmento após o retorno da lua-de-mel, em lugares que contrastam com os trajes dos noivos (Vestido de noiva, fraque, etc). Em suma, fotografar a noiva onde ela não pensaria em antes do casamento com o vestido de noiva.
As sessões podem ocorrer em praias, fazendas, parques, ruínas, cachoeiras, lagos são lugares que resultam em fotos incríveis. Sendo após o casamento (quando o noivos já estão mais relaxados) e em lugares mais exóticos o efeito das imagens são muito mais espontâneas.

Algumas dicas para um melhor resultado

- O ideal é não fazer com vestido alugados, pois dependendo do local escolhido o vestido voltará sujo ou praticamente destruído.
- Caso você não queira estragar seu vestido ou você alugou e já entregou o vestido poderá comprar outro modelo mais leve para a sessão.
- Não se esqueça de compra outro buquê, evitando os que tenham flores muito delicadas, pois normalmente o ensaio é feito sob a luz do sol, fazendo com as flores venham a muchar rapidamente.
- Escolha sempre um local que se sinta segura. Não adianta escolher por exemplo uma caverna se você tem medo dos bichos que estão lá.
- Lembre se usar filtro solar e repelente contra insetos.
- Fazer as unhas, depilação, penteado e maquiagem é importantissímo. E se pretenderem entrar no mar ou cachoeira solicite ao maquiador produtos à prova d'água.
- Quando contactar o fotográfo diga a ele o que vocês tem em mente, o que querem. Tipo: Fotos romântica, sensuais, alegre, engrançadas, juntos, sozinhos.
- É bom começar pelos lugares secos e ir para água só no final.
- Não se esqueçam de levar alguma coisa para beber e comer, além de levar toalhas e roupas e sapatos.
Boa sessão para vocês dois!

Flores

QUAIS FLORES ESCOLHER?
Pense o seguinte, a flores devem refletir sua personalidade e estilo. Então vamos lá, pense nas flores que você gosta. Elas poderão ser encontradas na ocasião do casamento? Estão de acordo com o estilo de festa que escolheram?
O ideal é sempre escolher flores da estação, pois com certeza você irá gastar bem menos. Após a escolha das flores tente assistir alguma filmagem que tenha as flores por você escolhida, assim você terá uma idéia de como irá ficar.
Caso haja outros casamentos no dia (o que é bem provável) tente entre em acordo com as outras noivas, pois vocês irão dividir as despesas. Caso não consiga não se estresse e deixe para caprichar na decoração da sua festa.

QUAIS CORES?
Pense em uma cor que goste muito (verde, azul, etc.), então converse com o organizador da decoração para decidir quais as cores que iram combinar com a que você gosta.
Não esqueça que as louças e toalhas devem estar em harmonia com os arranjos.
O clima da festa será também influenciado pelas cores, como por exemplo:
-Para ambientes sofisticados o ideal é arranjos de flores brancas combinadas com folhagens;
-Se quer aquecer o ambiente e criar um clima mais romântico Abuse de flores vermelhas combinadas com folhagens;
-Para dar um toque de delicadeza e suavidade no ambiente trabalhe com arranjos de flores brancas e amarelo claro, brancas e core de rosa e lilases;
-Como estamos abaixo do equador e quiser aproveitar e dar um clima tropical ao ambiente use arranjos de flores vermelhas e amarelas e folhas de bananeiras.

Fique atenta:


- Para os arranjos de mesa o ideal é que sejam baixos ou bem altos para não atrapalhar a conversa dos convidados, evitando que os mesmo fiquem desviando das flores.
- Ah, se optar por usar velas temos que ter um cuido a mais. A escolha do tipo e do local onde são colocadas é primordial, pois é horrível ver velas caindo do castiçal sobre a mesa ou cera queimando a mão de convidados.

DATAS COMEMORATIVAS
Reparem que no mês de junho as rosas estão bem mais caras devido ao dia dos namorados. Já no mês de maio é devido ao dia das mães e principalmente por ser considerado o mês das noivas. Margaridas e crisântemos sem sua maior procura em novembro devido ao finados.

MESES DE CADA FLOR

Janeiro – antúrio, áster, boca de leão, cáspia, catléia, orquídea, cravina, lisiantus.

Fevereiro – angélica, áster, cáspia, gladíolo, orquídeas.

Março – angélica, áster, cáspia, catléia, margarida, orquídeas.

Abril – angélica, gipsufila, gladíolo, strelitzia.

Maio - áster, cravina, cravo, crisântemo, cymbidium, gipsufila, gladíolo, rosa, strelitzia, tango.

Junho – angélica, cymbidium, strelitzia, tulipa.

Julho - angélica, cymbidium, goivo, tulipa.

Agosto – copo-de-leite, girassol, goivo, íris, oncidium, tulipa.

Setembro - copo-de-leite, girassol, goivo, estátice, frésia, íris, oncidium.

Outubro – agapanto, áster, copo-de-leite, dália, estátice, frésia, gladílo, girassol, lírio branco, tango.

Novembro – antúrio, áster, boca de leão, cáspia, copo-de-leite, crisântemo, dália, gérbera, gipsufila, girassol, lírio branco, lisiantus, rosa, tango.

Dezembro – antúrio, áster, boca de leão, cáspia, cravina, crisântemo, dália, gérbera, gipsufila, girassol, lírio branco, lisiantus, rosa, tango.

As mais caras – Orquídea, Tulipa, Copo-de-leite, Lírio, Gardênia, Hortência, Gérbera.
As mais baratas – Crisântemo, Margarida, Mini-margarida, Cravina, Glaíolo, Girassol
As mais perfumadas - jasmim, Lírio branco, Gardênia, Frésia, lavanda, Narciso, Flor de laranjeira

BUQUÊ
A noiva poderá fazer seu buquê de flores naturais ou artificiais. O efeito fica mais bonito, quando o orçamento permitir, se forem naturais.
Quando o casamento for realizado na parte da manhã ou tarde, ele poderá se médio a pequeno, de preferência com flores do campo ou a mais em conta da época, de sua escolha é claro. Já a noite escolha um buquê maior, que seja mais chamativos e de flores mais nobres, do tipo orquídea, por exemplo.

Os buquês tem vários formatos, os mais procurados são:

Buquê redondo e pequeno ideal para mulheres baixinhas e magrinhas;
Buquê redondo e cheio ideal para mulheres alta e magras ou com uma silhueta equilibrada;
Buquê braçada ideal para mulheres baixinhas e gordas ou com uma silhueta equilibrada;
Buquê cascata médio ideal todos os tipos de mulheres;
Buquê cascata longo ideal tanto para mulheres altas e magras como as gordinhas.

Sempre fique atenta ao seu tamanho, ao estilo do vestido e tamanho do buquê. Se você é baixinha evite buquê cascata longo para não abafar os detalhes do seu vestido, e se você for gordinha de preferência ao modelo redondo cheio.
Se preferir você poderá optar para algo diferente como entrar carregando um terço, um buquê de uma única flor ou de trigo, por exemplo.
A época do casamento é importante, pois em certas ocasiões a variedade de flores é muito maior, dando a possibilidade da noiva escolher algo que combine com seu estilo e do vestido, usando sempre da própria criatividade. Não se esqueça o buque é complemento do vestido e não parte da decoração da igreja, assim o ideal é usar flores diferentes ou em outras tonalidades para não pensarem que você se esqueceu do buquê e pegou algumas flores da decoração.
E sempre lembre-se das daminhas, normalmente elas levam pequena miniaturas do buquê da noiva.
Verifique várias fotos antes de encomendar e mostre ao florista e atelier como você quer e o tipo de vestido. Tenha bastante calma ao escolhê-lo, e tome cuidado com alguns florista que prometem dar o buquê de graça caso feche com ele a decoração da igreja, verifique se este será do seu gosto.
Caso queira guardar o seu buquê não se esqueça de encomendar um menor para jogá-lo para convidadas seguindo a tradição.

Vestidos do KZ Atelier Noivas

KZ Atelier Noivas

KZ Atelier Noivas
kz

Vestidos 15 anos do KZ Atelier Noivas